sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Cenas constrangedoramente reais

Cena 1 - Celular
Homem manda torpedo pra mulher pouco depois de sair do trabalho:
- Se prepara que tô saindo louco pra comer tua b*cetinha.
Errou o número e enviou a mensagem pra cunhada. Que já não gostava dele.


Cena 2 - Casa dos pais
Homem vai filar almoço na casa dos pais. O pai começa a falar sobre sexo com o filho. A mãe,visivelmente irritada, só ouve.
- Tua mãe não quer mais nada comigo, filho.
- ***
- É sério. Tua mãe me rejeita na cama.
- (ai meu deus pq eu tenho que ouvir isso) ***
- Sabe o que ela diz, filho? Que tá velha pra essas coisas.
- (suspiro) Pô mãe. Eu nem gosto de falar dessas coisas com vocês. Mas vocês ainda são novos, tem 60 e poucos só.
A mãe afasta a cadeira, bate na mesa com a mão espalmada, aponta o dedo pros dois e declara, pra acabar com a conversa:
- Na minha boca só entra comida!

Cena 3
Jantar de Natal. A matriarca da família faz a oração. Todos de mãos dadas: filhos, primos, crianças.
- Senhor, agradecemos por tudo (etc) e pedimos que ajude Fulano de Tal com o escritório, que Sicrano passe no vestibular...
Todos se olhando, mas sem ousar dar uma risadinha.
- E que o casal X e Y volte a se dar bem na cama e parem de falar em separação.


PANO RÁPIDO

5 comentários:

Bia Badaud disse...

ca-r*-lho

Vivien Morgato : disse...

Família, familia, cachorro, gato, galinha...

asnalfa disse...

Deixe-me adivinhar?
Vc estava presenta na terceira historia, rezando?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
E como a senhora ficou sabendo das duas primeiras hein?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Tina Lopes disse...

hahahaha, Asnalfa, eu não estava presente em nenhuma das bhistórias - todas foram recentemente relatadas por amigos e são absolutamente reais!

Denise disse...

hahahahahah
divertidíssimas!