quinta-feira, 6 de maio de 2010

Ainda na seção detonadores de egos

Cortei a franja - na verdade, não foi só isso, rolou uma escova especial que dura um mês, sem formol, pro redemoinho não fazer a franja virar um rolinho.
Daí fui pegar a Nina na escola, de cabelo novo.
A cara que ela fez.
De horror.
Abri a porta do Kazinho, ela entrou, não me deu beijo.
Dei meia volta, a menina estava simplesmente CHORANDO.
"Mamãããe, você ficou MUITO FEIA".

"Tô feia mas tô na moda", foi só o que me ocorreu, além de rir.
Pra não chorar, né.
Mesmo porque a franja nem é só pra esconder a testa, é pra disfarçar os brancos que precisam de tinta toda semana.

Enfim.

12 comentários:

Denise disse...

Eu adorei você de franja, sempre quis ter uma! Mas com o cabelo enrolado, não dá, pelo menos não dá agora. hahahahah Ficou ótima, Tina, bem moderna!
beijo

Losille disse...

Nina tá por fora! Tá gatz!
=**

Anônimo disse...

Tina,
versão Cleópatra né? cabelo pretinho!
Eu também gostei. Caraca, precisa toda semana pintar? Não gosta de luzes?
E outra, tô achando que vc emagreceu, ou não?
beijão
madoka

fernandadbpm disse...

Hahaha me lembrou que, quando criança, a cada barba cortada do meu pai, visual mudado pela minha mãe, eu não queria olhar pra cara dos dois por muito tempo. Mas é que criança se acostuma, e logo a Nina se acostuma com o novo visual. Ficou bem Cleópatra mesmo :)
beijos pra vcs

Tina Lopes disse...

Gentz, obrigada, eu ando tão exibida, afe. Madoka, querida, menos 4 kg &counting, obrigada por perceber.

Fernandadbpm, lembro quando minha mãe fez permanente, fui solidária, disse que tava lindo, mas queria morrer! Ah, anos 80.

Patricia Scarpin disse...

Eu já te disse, gostei tanto da sua franja que fiquei com vontade de cortar, também...
Tá lindona.

Rubão disse...

Tina, quando vi isso aqui, foi imediato: esse presente é a cara adivinha de quem:

http://editora.cosacnaify.com.br/ObraSinopse/11237/O-livro-da-Nina-para-guardar-pequenas-coisas.aspx

r

Tina Lopes disse...

Pati, beijocas

Rubão, já foi encomendado, acredita? (com desconto, via uma amiga que tem loja, uhu)

Cris Brunetti disse...

qd eu era pequena minha mae tinha o cabelo bem comprido e eu adorava brincar de pentea-lo de noite. de dia ficava na casa da minha avo, pois meus pais trabalhavam, um belo dia minha mae foi me busca e apareceu com o cabelo bem curto, tipo joãozinho. ate hj eu não consigo esquecer o choque que foi ve-la daquele jeito. gritei, chorei, sai correndo e fiquei uns bons dias sem olhar para ela, pois aquela não era minha mãe linda com o cabelo lindo, era uma estranha.
pode ter certeza que para a nina foi algo parecido, a imagem que ela tinha da mae dela foi totalmente alterada.

Umrae disse...

Hahahahaha, criança é tããããão sensível...
Acho franja chique, mas ainda prefiro sem. Fica mais suave. E eu não faço no meu cabelo de jeito nenhum porque ele é muito ondulado para dar certo.

Verônica disse...

Ninoca não entende de franjas modernosas.
tá supergata.
besos.

Michele disse...

Aiaia, fico umas semanas sem comentar por preguiça, mas essa foi demais! Adoro a Nina! Precisava chorar??? Claaaaaro que sim!!!

Mas ó, adorei a franja, ficou linda mesmo!