quarta-feira, 8 de agosto de 2012

3 x 4


1992, primeira carteira de trabalho. Cara gorducha, cabelo todo desarrumado; lembro bem do dia de sol escaldante e eu correndo atrás dos documentos necessários para conseguir o primeiro trabalho - estágio, mas dava no mesmo - registrado da vida, na Biblioteca Pública. Um tempo de cara lavada, queimada de sol, se sol houvesse, de improvisos, novidades, sem qualquer ambição que não fosse ajudar nas contas da casa, com muita vontade de fazer de tudo pela primeira vez.


2000, em Ribeirão Preto, primeira carteira de motorista. Tinha poucas roupas, essa da foto era uma blusa muito quente, desconfortável, peniquenta. Sempre está quente quando tenho que fazer 3 x 4. Longe da família, construindo a personagem. A sobrancelha feita, batom escuro, os primeiros jantares feitos em casa, o trabalho árduo, reconhecimento, o começo das saudades. As coisas já não eram tão simples.



2005, primeira carteira de jornalista, apesar de já estar exercendo a profissão há dez anos, pelo menos. De volta a Curitiba, filha com um ano, e esse ar assustado? Será que um dia passa?


2010, primeiro passaporte, novidade na escova progressiva da franja - só na franja, pra disfarçar a eterna falta de sobrancelha, as rugas, tudo.

Hoje.

9 comentários:

Verônica disse...

em todas, na minha opinião, você está com cara de francesa, Mrs. Lopes.

Rita disse...

Se eu fizesse um post assim, vocês nunca mais interromperiam a gargalhada. Não é para qualquer uma, hein, lindona hoje e sempre.

Beijos
Rita

Anônimo disse...

Me emocionei com as suas fotos, eu também guardo 3x4 de qdo era adolescente. Me vi aí junto contigo, o que eu tava fazendo nesses anos todos? E aí penso nos filhos e de cada foto que terão que fazer pro primeiro estágio, RG e tudo mais, ô vida, não é fácil não.
bjs queridona.
madoka

MegMarques disse...

Os cabelos mudaram, mas vc tá ótima!

Juliana disse...

vc poderia continuar usando a mesma foto de 2000, gente! A mesma cara!

eu tô com a rita: eu JAMAIS poderia fazer um post desses. A foto da minha identidad faz criancinhas chorarem.

::Fer:: disse...

Adorei este post! Um álbum de figurinhas, um perfil do consumidor. Fiquei com vontade de fazer um parecido...

Um beijo

Suzi Márcia disse...

Lindo esse post! beijos!

Deise Luz disse...

Post incrível. A última 3x4 tá linda, e gosto do cabelo com franja também.

Cris disse...

Adorei o post e faço coro com a galera: jamé que eu ia fazer um post desses, não tenho metade do teu charme pra tirar 3x4. É sério, eu parecia a mãe da família Adams aos 18, credo.