domingo, 2 de agosto de 2009

Domingão

Nina e o Pacman.

Na cozinha, a Nina vestida de tomatinho. As galinhas de Porto de Galinhas.

A rede pendurada, desgostosa, esperando o verão.

Os mamões cresceram até esse tamanho e pararam. Nem amadurecem, nem caem.

Tartaruga, cogumelo e caracol.
O manjericão secou, só o louro sobrevive.

Falei pra amiga da loja de decoração: quero um peso de porta de pinguim. E ela tinha.
Canto da cozinheira feliz: música enquanto cozinha. Comida da Mimi. O pinguim fugindo.

Nosso termômetro ultra-científico. O homenzinho sai quando chove, a mulherzinha sai no sol.
As samambaias, pelo menos, ficam lindas com esta umidade.



Piu-piu, com frio, se cobriu com meu lindo lenço de pescoço.

Bebidinhas - a penteadeira virou bar.

4 comentários:

asnalfa disse...

Que casa mais gostosa de se viver!! Adorei! Tem quintal e tudo!!!
Um dia eu tava olhando seu outro finado blog, e tinha foto da sua comida la no fogao. Gente do ceu... vc parece ser uma cozinheira de mao cheia!!!

Anne disse...

Gostei da idéia da penteadeira ser um barzinho.
Aprovadíssimo.
=^.^=

cris disse...

tu é boa até fazendo legenda pra pinguim, sério! agora, uma curiosidade: eu tenho um sofá igual ao teu, cor de mostarda e de dois lugares [e pq não tem foto do juanito, hein?] bjs!

Tina Lopes disse...

Asnalfa, modéstia à parte, piloto bem um fogãozinho sim. Mas isso é novidade na minha vida: comecei a cozinhar há 4 anos. Imagina o porquê. Antes nem fritava hamburguer.

Anne, ficou fofo né? Veio um arquiteto em casa uma vez e ficou todo bobo. Era uma penteadeira velha que deixaram no apê que compramos antes da casa. O marido pintou de branco, eu adoro tudo branco.

Cris, esse sofá é aquisição nova. Olha só: minha prima comprou casa nova e redecorou, deu o sofá pra mãe dela, que por sua vez deu o seu pra minha mãe, que me deu o dela. Tem um mês que tá aí, ficou meio cheio mas agora eu gosto. Fotos do juanito no próximo domingo chuvoso.