sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Diário da Obra

Pra vocês entenderem o porquê da demora em postar.



A parede de pedra já está na chon. Não há imagem que dê conta de mostrar a poeira que esse troço levanta. O lustre cafona está com os dias contados.



Faltou telha pra cobertura da garagem interna, que faz sombra na cozinha. Talvez preenchamos com telhas transparentes, mas não as de vidro que custam uma fortuna.



Foi levantada uma laje, porque o resto da casa tem forro de madeira, pra aguentar a caixa d'água e o boiler do aquecimento gás/solar. Em andamento.




A casinha que foi feita pra abrigar o gás. Bem longe de tudo da casa, porque o marido aqui é "precavido". O cano de gás vai passar por baixo da terra. Em andamento.



Ah, tadinha da trepadeira, ficou só o desenho do esqueleto dela. A Nina perguntou pra que serve a casinha e claro que eu disse que vai ser o lugar do castigo pra criança desobediente... ela só me deu um olhar de desprezo e disse "ai, mãe, conta outra".



As pedras da salona (a gente chama as salas de salinha e salona) que vão ser guardadas pra dona Ana fazer a gruta das santas na casa dela.



Jornal por tudo. Mas não adianta grande coisa.



O banheiro da suíte presidencial: paredes brancas e chão acinzentado. Meio que desgostei do chão, mas agora Inês é morta. Esse aí é o pedreiro-matraca. Talvez por isso trabalhe isolado. Mas se não tem ninguém pra ouvi-lo, ele se vinga assobiando. E mexendo com as gatas.



A janelinha nova do banheiro. Grandes coisas. Mas pra mim, é sim. ;)



A cozinha já sem os azulejos. Esperando o encanamento novo, de cobre. Aproveitamos pra jogar fora  o azulejo branco feio. A gente não faz fritura, não precisa de azulejo em tudo. A parede será pintada de vermelho. Marido queria fazer ele mesmo, mas mudou de idéia. Ufa. O chão também será picotado pra receber nova cerâmica. Não chama mais de lajota que é coisa de pobre!


Por enquanto é isso.

10 comentários:

Lolló disse...

Peraí, a pequena reforma no telhado pingante virou essa reformona aí? Caramba!

Que casa enorrrrrrrme. Tô louca pra ser convidada pra te visitar e a gente encher a cara de vinho.

E que dia vc vai acertar o endereço do Mão Feita aí do lado, hein? :-p

Claudia disse...

Vixe, guria! Reforma é um saco. Sempre demora mais que o previsto, sai mais caro que o previsto, faz mais sujeira que o previsto. Mas daí, depois, fica tudo lindo e a gente esquece a chatice que foi!!Acabei de sair de uma dessa, com direito a parede quebrada no meu quarto (e a gente dormindo na sala por uma semana).
Bjos e boa sorte!

Alice ] disse...

No telhado da cozinha vc pode usar policarbonato alveolar, é bonito e de baixo custo. Evite os coloridos pq depois de um tempo enjoa mesmo. Vc só tem que limpar a estrutura retirando as ripas que não são mais necessárias, deixando só os caibros, o efeito final vai ser de um pergolado. Boa sorte.

Patricia Scarpin disse...

Tina, querida, meu coração está solidário contigo - reforma é dose...

Tina Lopes disse...

Lolló, honey, porque desapareceste do Twitter??? Sinto falta das nossas brigas na gelatina. A casa é enorrrme mesmo fia, e se você quiser vir beber um vinhozinho, e não desistir da viagem em cima da hora (pensa que eu não percebi?), é só aparecer. Ontem mesmo detonei meia garrafa.

Clau, como desta vez os pedreiros são bem competentes, tô bem zen, sabia? Nem ligando mesmo. Só a hora que choveu dentro eu quis cortar os pulsos mas passou.

Alice, adoro tuas dicas! Vamos pesquisar o preço do tal policarbonato alveolar. Uns anos atrás fizemos orçamento pra policarbonato, não sei se era desse, mas era muito caro e as empresas exigiam fazer toda a armação de ferro, não queriam botar nessa aí de madeira. Agora, vamos ver. Obrigadinha de novo!

Pat! Saudade! Beijoconas.

Ronise Vilela disse...

Heroína! Corajosa! Dama de ferro!
Nem por decreto do GOv (ops!)

asnalfa disse...

Ja pensou em colcoar pastilhas de vidro ao inves de cerâmica na parede do banheiro ou na cozinha?
Nao recomendo deixar sem azulejo nas paredes da cozinha nao....
Vc quem sabe!
Bjos!

Anônimo disse...

quer vender o lustre cafona?

Tina Lopes disse...

Asn, a parede ao lado do fogão e da pia mal existe, é quase tudo janela, e como não fazemos frituras, não precisamos nem de coifa. Mas vamos usar uma tinta lavável e tals. Obrigada pela dica - mas essas pastilhas são caaaras... ;)

Anônimo, quer comprar? Tem dois hein. Me manda e-mail: tinapontolopes@gmail.com.

Rubão disse...

Esperamos ansiosos pelos próximos capítulos. Abraços,
r