quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Não bastassem as frentes frias e a gripe suína...


Pelo menos uma vez por semana eu saio da academia e passo no café de uns argentinos, que fica no térreo do mesmo prédio, pra comprar empanadas - comida típica chilena, mas quem sou eu pra apontar incoerências. Levo uma de carne, apimentada, denominada mexicana (olha a interação latina) e uma de palmito, meio sem gosto.

Na segunda fui lá. O argentino estava batendo papo on-line com um amigo no laptop, mas mesmo assim puxou conversa comigo. Na telinha, o amigo fez cara de tédio.

Eu não entendo muito o que ele fala, não sei se é porque é argentino ou porque talvez tenha algum problema pra elaborar sinapses (eu tento não chamar de retardado). Ou ambos.


- Você sempre leva os mesmos sabores?!

- Sim, eu gosto.

- Ah, eu também adoro as empanadas. Eu que faço a massa!?!

- Oh, que legal.

- Ûlha, já que você gosta tanto, faz assim. Vem na sexta-feira que eu junto todas as empanadas que sobrarem da semana e você leva um pacotão. Dou um desconto!?! *pisc*

- HÉIN?


Olho pra baixo e faço uma auto-avaliação. Saltinho, calça limpa, preta, casaco. Olho pro espelho no caixa: não, não esqueci de tirar a toalha da cabeça depois do banho na academia; passei até batom. No comprendo. Mas ele continua:


- Sexta passada eu levei dez empanadas pra casa! Senão ia perder tudo. Comi cinco e dei cinco pro meu cachorro.


Passo fome mas não como mais essa bosta dessa empanada. E não, eu não disse nada além de "ah, legal, obrigada". Cho-ca-da.

12 comentários:

Liliana disse...

hehehehe
Uma ex-amiga, dona de um café aqui, me vendeu uns pães de queijo velhos num dia de semana de movimento fraco. Logo depois, ela deu os restantes para o cachorro de rua na minha frente.
Por essa e por outras ela virou ex-amiga.
Beijos!

Ronise Vilela disse...

Tina, tô rachando o bico!
Post feliz depois do incêndio que tive que apagar!

Bjks!

Srta.T disse...

Quando eu digo que argentino é um pessoal mal-educado e que corta cabelo em pet-shop, todo mundo me censura. Aí leio isso e só consigo pensar:

EU JÁ SABIA, GALVÃO!

lola aronovich disse...

Ué, não entendi. Eu compraria comida "velha", desde que ainda esteja bem-conservada. Ainda mais com descontão. E isso de "dei o resto pro cachorro" não é parâmetro pra mim. Os cães que eu conheço comem muito bem, melhor do que eu, aliás. Lembra que eu escrevi um post sobre freegans, que não pagam por comida e comem "restos"? Ah, talvez sua indignação seja porque o argentino queria te cobrar pelas empanadas?! Mas é com desconto, Tininha!
(tá, eu sou pão-dura. Eu sei).

Flá disse...

hUIAHIUahUIAHauiAUIA,ai, tô rindo demais! Imagino que tenha sido um choque,mas eu iria rir na cara da pessoa!! Mto boa!

;*

asnalfa disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Mas se estiver gostosa, o que tem de errado??? Pergunta pra ele que dia foram feitas e so compra no dia. Esses negocios podem fazer mal se estiverem mal conservados.
Sinceramente? Eu acho os argentinos bonitos. Gosto do cabelo cortado em pet-shop. Acho bem melhor do que os tipo ronaldinho que tem por aqui.

Tina Lopes disse...

Lola, eu lembro do teu post sim, mas não confundamos garlics com bugarlics. Primeiro que um comerciante tem que ser muito burro pra dar a entender que sua comida fica lá exposta, envelhecendo até a sexta-feira. Depois, tem que eu gosto é de comida fresca, sim (fresca como eu, pode dizer). Quando eu tinha padaria, se sobrava comida, a gente repartia entre os parentes que iam visitar (bolos e pudins principalmente), pros pobres que passavam pedindo, ou a gente mesmo comia. Aliás, o café fica pertinho da praça Osório, e é um pulinho pra achar meia dúzia de crianças pedindo R$1 pra comida. Acho o fim o cara me oferecer comida velha. Nunca mais como lá porque obviamente, reposição de mercadoria, não é o forte do café.

Asnalfa, eu achava que as empanadas fossem sempre frescas, sim. Se vou comer fora de casa, faço questão de comida fresca. Comida de ontem eu tenho na minha geladeira. E, ai, os argentinos são muito bregas!

Anônimo disse...

taí a incoerência Tina, tem que comprar empanadas dos chicos chilenos. Qdo morava no Embu das Artes/SP, na feirinha de artesanato, casal de chilenos faziam empanadas, e com certeza fresquinhas, tinha que encomendar as vezes, acabava tudo antes do término da feira.
Sério que os argentinos são bregas? ai, sou loca pra conhecer Buenos Aires.
bjs
madoka

Ivan disse...

ahahaah.

é isso aí Tina

não dá mole pra esses macaquitos!

Patricia Scarpin disse...

Argentinos adoram mullets, e isso já diz muito sobre eles. :D

Tina, fiquei horrorizada. Cara de pau e burro, mesmo, espantando a clientela.

paticca disse...

Comida velha é comida morta e de gente burra!! Vê se em casa de gente humilde tem comida velha. Tem sempre coisa fresquinha no fogão!

Não dá pra economizar na comida, né?

Bj!

cris disse...

aaahhh, que vontade de comer empanadas... frescas, por supuesto. ;) beijos